5 Coisas que Você Não Sabia sobre o St. Patrick’s Day


5 Coisas que Você Não Sabia sobre o St. Patrick’s Day

Você já deve ter ouvido falar no St. Patrick’s Day, não é mesmo?

No dia 17 de março, a tradicional festa em homenagem ao padroeiro irlandês é celebrada com muita música, comidas típicas e, é claro, boas cervejas. Uma data comemorada não só na Irlanda, mas em todo mundo!

Hoje, separamos 5 curiosidades sobre o St. Patrick’s Day que irão te surpreender! Vamos lá?

 

1. A cor verde não é a cor original do St. Patricks Day.

Originalmente, a cor comumente relacionada ao São Patrício era o azul. A cor verde passou a ser usada, provavelmente, em alusão à Rebelião Irlandesa de 1798, quando os católicos e protestantes no país resolveram se revoltar contra o controle da Inglaterra, que era anglicana. Para chamar a atenção para esse conflito, o exército rebelde vestiu-se de verde, reforçando essa conexão da cor com o nacionalismo irlandês. Além disso, а cor verde é predominante nas paisagens bucólicas da região. Não é à toa que a Irlanda tem o apelido de Ilha Esmeralda. Como o St. Patrick’s Day é uma celebração à cultura irlandesa, o verde toma conta de tudo, como a decoração e vestimentas.

 

2. St. Patrick não era irlandês (e nem se chamava Patrick).

Pois é, o São Patrício nasceu em Banna Venta Berniae, uma cidade na Grã-Bretanha romana, em algum momento ao final dos anos 300 DC. Ou seja, o padroeiro da Irlanda era inglês! Outra curiosidade é que o nome de São Patrício era, na verdade, Maewyn Succat. Só depois de ser capturado por piratas irlandeses aos 16 anos e escravizado por seis anos como pastor é que ele decidiu se converter ao cristianismo. Enquanto estava no nordeste da Irlanda, aprendeu a língua e a cultura irlandesa antes de tentar escapar de volta para a Grã-Bretanha, já com o nome de Patrick.

 

3. O maior desfile de St. Patrick’s Day não é na Irlanda.

Imagina a cena: você vestido à caráter em Dublin, com o tradicional chapéu verde e um trevo de três folhas (shamrock) na mão. Uma experiência incrível! Mas saiba que você não estaria na maior parada em comemoração ao St. Patrick’s Day. Para isso, você teria que estar em Nova Iorque, onde se concentram as maiores comunidades irlandesas do mundo.

 

4. O significado do trevo de três folhas (shamrock) vai além da sorte.

Além da simbologia relacionada à prosperidade e sorte, o trevo de três folhas, muito popular entre os nativos irlandeses, foi escolhido como uma espécie de metáfora utilizada pelo missionário para pregar a santíssima trindade - Pai, Filho e Espírito Santo, na evangelização do povo celta pagão.

 

5. O consumo de álcool no St. Patrick’s Day nem sempre foi liberado.

Por ser considerado um feriado religioso, originalmente, o consumo de álcool não era permitido no St. Patrick’s Day. Isso mudou apenas em 1970, quando a data se tornou um feriado nacional. Hoje em dia, para se ter uma ideia, o consumo de cerveja pode chegar a mais de 10 km de barris no St. Patrick's Day em Dublin.

 

Agora que você já sabe tudo sobre o St. Patrick’s Day, que tal um brinde à altura com a sua cerveja Leopoldina favorita?

 



Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!

Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!